Artigos, Crítica, Documentos Eclesiais, Notícias, Publicações Eclesiais

Você conhece a profecia da Igreja sobre o Anticristo e a perseguição final aos cristãos?

PSX_20160802_170659

Rio de Janeiro – 02 ago, 2016 – O Catecismo da Igreja Católica descreve a chamada Grande Tribulação na qual se manifestará o mistério do mal sob a impostura religiosa do Anticristo, algo que terá que acontecer necessariamente antes da Segunda Vinda de Jesus. Apesar de não fazer nenhuma demonstração detalhista de tempo, circunstâncias e pessoas, a doutrina da Igreja nos dá os princípios a partir da Revelação e da tradição apostólica para julgar os sinais dos tempos afim de não cairmos no grande engano satânico deste tempo. Portanto, devemos “orar e vigiar para não cairmos em tentação” na agonia final do mundo e da Igreja.

Seguem-se os parágrafos do Catecismo que expõe a matéria profética. Leia e aprofunde:

673. A partir da ascensão, a vinda de Cristo na glória está iminente (630) mesmo que não nos «pertença saber os tempos ou os momentos que o Pai determinou com a sua autoridade» (Act 1, 7) (631). Este advento escatológico pode realizar-se a qualquer momento (632), ainda que esteja «retido», ele e a provação final que o há-de preceder (633).

674. A vinda do Messias glorioso está pendente, a todo o momento da história (634), do seu reconhecimento por «todo o Israel» (635), do qual «uma parte se endureceu» (636) na «incredulidade» (Rm 11, 20) em relação a Jesus. E Pedro quem diz aos judeus de Jerusalém, após o Pentecostes: «Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que os pecados vos sejam perdoados. Assim, o Senhor fará que venham os tempos de alívio e vos mandará o Messias Jesus, que de antemão vos foi destinado. O céu tem de O conservar até à altura da restauração universal, que Deus anunciou pela boca dos seus santos profetas de outrora» (Act 3, 19-21). E Paulo faz-se eco destas palavras: «Se da sua rejeição resultou a reconciliação do mundo, o que será a sua reintegração senão uma ressurreição de entre os mortos?» (Rm 11, 15). A entrada da totalidade dos judeus (637) na salvação messiânica, a seguir à «conversão total dos pagãos» (638), dará ao povo de Deus ocasião de «realizar a plenitude de Cristo» (Ef 4, 13), na qual «Deus será tudo em todos» (1 Cor 15, 2).

675. Antes da vinda de Cristo, a Igreja deverá passar por uma prova final, que abalará a fé de numerosos crentes (639). A perseguição, que acompanha a sua peregrinação na Terra (640), porá a descoberto o «mistério da iniquidade», sob a forma duma impostura religiosa, que trará aos homens uma solução aparente para os seus problemas, à custa da apostasia da verdade. A suprema impostura religiosa é a do Anticristo, isto é, dum pseudo-messianismo em que o homem se glorifica a si mesmo, substituindo-se a Deus e ao Messias Encarnado (641).

676. Esta impostura anticrística já se esboça no mundo, sempre que se pretende realizar na história a esperança messiânica, que não pode consumar-se senão para além dela, através do juízo escatológico. A Igreja rejeitou esta falsificação do Reino futuro, mesmo na sua forma mitigada, sob o nome de milenarismo (642), e principalmente sob a forma política dum messianismo secularizado, «intrinsecamente perverso» (643).

677. A Igreja não entrará na glória do Reino senão através dessa última Páscoa, em que seguirá o Senhor na sua morte e ressurreição (644). O Reino não se consumará, pois, por um triunfo histórico da Igreja (645) segundo um progresso ascendente, mas por uma vitória de Deus sobre o último desencadear do mal (646), que fará descer do céu a sua Esposa (647). O triunfo de Deus sobre a revolta do mal tomará a forma de Juízo final (648), após o último abalo cósmico deste mundo passageiro (649).

Autoria/ edição: Pe. Augusto Bezerra

PSX_20160801_125713

Comentários

Comentários

1 Comment

  1. Anônimo

    A apostasia está em pleno curso!

Comments are Closed

Theme by Anders Norén

.....

Em breve teremos novidades em nosso canal. Estamos integrando nossas mídias e aprimorando nossos serviços para o apostolado virtual. Inscreva-se clicando na foto do canal e fique por dentro.